Voltar ao site

Praça Villaboim Antigamente

Um breve histórico da Praça e a luta dos moradores para revitalizá-la

· Meio ambiente,Saúde e Bem estar,Urbanismo

Conheça um pouco da história da Villaboim, uma galeria de fotos da década de 80 e veja como um grupo de moradores está lutando para promover melhorias na praça.

Inscreva-se na nossa newsletter do Cidades.co

História da Praça

A historia da Praça Villaboim remete ao século XIX quando o terreno pertencente à Floriano Wanderley era ainda somente parte de um grande sítio que seguia até a Rua da Consolação. Em 1895 o loteamento foi vendido à Martinho Burchard, que loteou o bairro de Higienópolis. Foi desse loteamento que surgiu, entre as ruas Piauí, Aracajú e Itápolis (atual Rua Armando Penteado), um pequeno fragmento triangular que se enchia de movimento ao ser utilizado como campinho de futebol. Seus freqüentadores o conheciam como "Praça Piauí" e "Largo do Piauí".

A Praça Villaboim em 1957. Foto: Folha Imagem

Foi somente na década de 1930 que o local veio a receber seu nome atual: Praça Vilaboim. Na época o Prefeito Fabio da Silva Prado havia urbanizado a localidade e decidiu em um evento festivo inaugurar a praça. O local carrega esse nome em homenagem ao Dr. Manuel Pedro Villaboim, cidadão atuante de sua época. Seus netos Raul Villaboim Carvalho e Fernando Villaboim Carvalho, procederam no evento de inauguração o plantio de uma figueira que é a ocupante central da Praça Vilaboim. Com empenho a árvore se mantém no principal local da praça, ilustrando a historia do bairro e dos principais agentes que participaram da criação da praça.

Figueira plantada por Fernando Villaboim Carvalho.

A praça é amplamente reconhecida pelos moradores de Higienópolis e sua existência qualifica ainda mais o agradável bairro. Mesmo com sua dimensão relativamente pequena, todo seu entorno se beneficia da qualidade ambiental que ela proporciona. Por esse motivo o Conselho Municipal de Preservação de Patrimônio tombou a praça em 2007. Apesar deste reconhecimento, a praça hoje não oferece aos moradores uma condição boa de uso: não há um bom espaço de convivência, baixa permeabilidade visual que leva a falta de segurança, iluminação insuficiente e falta de manutenção da vegetação e do mobiliário urbano.

A praça hoje

Com as falhas de gestões municipais as praças acabaram ficando em segundo plano e mesmo a Praça Villaboim estando em um bairro nobre não escapou dos problemas comuns de falta de manutenção. A praça só não está em péssimo estado, pois um grupo de moradores e comerciantes informalmente fazem uma coleta de dinheiro na vizinhança e conseguem contratar um zelador para fazer a limpeza da praça e quando sobra um pouco de dinheiro um jardineiro para manter a área verde.

Acumulo de lixo por falta de sistema de manutenção.

Parquinho com apenas 1 brinquedo com problemas de manutenção.

Bancos em péssimo estado de conservação.

Os Amigos da Villaboim

Cansados de esperar pela ação do poder público o grupo de moradores e comerciantes encontrou no Cidades.co uma parceira para viabilizar as melhorias de que a praça tanto precisa. O Cidades.co é uma plataforma de Adoção Colaborativa de praças públicas que trabalha em conjunto com os moradores e comerciantes captando a administrando recursos para criar um programa de melhorias e manutenção desses espaços, colaborando para a criação de ambientes saudáveis de convivência para todos.

Acreditamos que um local de encontro público com tanto potencial quanto a Villaboim deva ser aprimorado. O sistema de Adoção Colaborativa é uma forma oficial de cuidado com a praça. O financiamento coletivo dos Amigos da praça é simples, é capaz de fornecer as ferramentas necessárias para melhorar o local e transformar locais obsoletos em espaços de convivência.

Leia mais:

E veja abaixo galeria de fotos completa de 1987 que a Banca Villaboim cedeu.

Galeria Praça Villaboim - 1987

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK